segunda-feira, 28 de novembro de 2016

segunda-feira, 28 de novembro de 2016
685394842671553226
Vietnã: Protestos Anti-Guerra
http://www.ulige.com.br/2016/11/vietna-protestos-anti-guerra.html

Muitos protestos ocorreram nos Estados Unidos contra a guerra do Vietnã, confira abaixo as fotos de alguns dos principais momentos:

Um grupo de estudantes com faixas mostra sua oposição à guerra. A maioria dos movimentos anti-guerra começou em campos universitários com organizações como a SDS (Students for a Democratic Society).



Com mais de 10.000 manifestantes tomando as ruas da cidade, os protestos antiguerra abalaram a Convenção Democrática de 1968, em Chicago, Illinois.



Mark Rudd, líder da Sociedade Democrática da Universidade de Columbia, organizou em 1968 um protesto estudantil que levou à ocupação dos cinco edifícios da administração da universidade.


Em 15 de novembro de 1969, mais de 500.000 manifestantes invadiram Washington, DC, para uma das maiores manifestações antiguerra na história dos EUA.


Em Washington, veteranos protestam a luta na Indochina, descartando suas medalhas e uniformes sobre a cerca no Capitólio dos EUA.


Em 30 de abril de 1970, Nixon anunciou um aumento de 150.000 soldados para a guerra. Isso resultou em protestos nos campos universitários de todo o país.


Na Universidade de Kent State, em Ohio, a Guarda Nacional confrontou manifestantes, depois que o edifício ROTC foi incendiado. Eles acabaram matando quatro e ferindo oito.


William Schraeder, Allison Krause, Jeffrey Miller e Sandra Lee Scheuer foram os quatro estudantes mortos durante os protestos em Kent, em 4 de maio de 1970.



O departamento de polícia de Washington respondeu aos manifestantes antiguerra da Universidade George Washington, em 1971.



Um sinal de paz impresso na bandeira americana foi levantado durante um protesto antiguerra em Washington, DC; Nixon anunciou o fim do envolvimento dos EUA no sudeste asiático em janeiro de 1973.




https://www.blogger.com/profile/14657032355176316743
ulige
2016-11-28T12:30:00-02:00
Fotos Históricas Maiara Monteiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário